terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

E-JOVEM discute a Escola Amiga no Rio de Janeiro

Deco e Chesller: rumo ao Rio

Nesse dia 15 de janeiro, adolescentes e jovens de todo o país rumaram para o Rio de Janeiro, a fim participar de três grandes eventos do movimento estudantil: o Encontro Nacional de Grêmios, o Coneb da UNE e a Bienal da UNE.

Uma vez que a Escola Jovem LGBT havia sido selecionada para expor seus trabalhos do ano passado na Bienal - e como Educação é um tema permanente no E-jovem, mais ainda em 2011 - fomos em caravana para o rio1 nosso principal interesse, claro, era discutir a campanha Escola Amiga e os 6 passos para acabar com a homofobia nas escolas.

E foi um sucesso a ideia! No Coneb da UNE, conseguimos montar uma roda de conversa LGTB e debater alguns pontos importantes com os universitários, como a necessidade de agirmos nas universidades e dessa ação não se limitar às palavras de ordem ou a ações pontuais do tipo "semana da diversidade', que acabam e não têm continuidade. Oferecemos nossa ajuda especializada e fomos convidados pela UNE a ajudar na campanha "Combate à Homofobia: Essa Luta nos UNE", que será lançada em 2011. Conseguimos aprovar uma deliberação LGBT e partimos pro próximo debate.

Grêmios unidos contra a homofobia


Mas legal mesmo foi o debate entre os secundaristas. Também lá, no encontro de Grêmios, abrimos um espaço LGBT de discussão, com representantes de grêmios de todo o país. Todos se comprometeram a mergulhar de cabeça na campanha da UBES, "A Homofobia Faltou à Escola" - que também será elaborada juntamente com o E-jovem e seguindo os passos do Escola Amiga.

Deco se dirigindo à gurizada:
"Combater a homofobia na escola é uma frente nova,
que convidamos todos a abraçar"
 
"É na escola que os jovens começam a desenvolver suas habilidades sociais e compreender o conceito de sociedade. Também é na escola onde a galera conhece pela primeira vez o preconceito," explica Chesller Moreira, presidente do E-jovem e Diretor Nacional LGBT da UJS. "Nossa contribuição é o Escola Amiga. E convidamos todos a abraçar essa campanha." Também fizeram boas pontuações no debate o Denílson Júnior, Diretor LGBT da UNE e o Fábio Silva, vice-presidente da UJS de Campinas, ambos também militantes do E-jovem.
 
Depois de toda essa militância, fomos pra Bienal expor nossos Fanzines. Mas isso fica pra outro post! =D

Um comentário:

Luh disse...

Poxa, aconteceu tudo isso, logo quando eu estava em SP!!!
Eu não dou sorte heim, rs.

Ocorreu um erro neste gadget