segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Mulher procurava seu pai perdido e encontrou uma Travesti



Emily Wallis e Chloe Harrison


Quando Emily Wallis procurou o pai que ela nunca conheceu tinham mais em comum do que ela esperava ... incluindo o seu gosto em sapatos, vestidos e maquiagem.

Em vez do 'Garanhão Italiano" como sua mãe Ann tinha descrito, Clive Harrison é agora uma Travesti que se chama Chloe, e tem oitenta e dois pares de sapatos de salto alto.

Emily, 22, diz: "Chloe estava espremida em um vestido prata e usando maquiagem e uma peruca". Eu não tinha ideia do que fazer, então eu disse, "Você parece melhor do que eu ... e eu realmente gosto de seus sapatos".

Emily acrescenta: "Durante anos eu tinha sonhado com todos nós juntos. Eu ainda nutria uma secreta esperança de que Clive e minha mãe poderiam ficar juntos novamente. Mas quando vi meu pai eu percebi que certamente não era isso que ia acontecer!"

Emily era uma adolescente quando sua mãe deu a notícia devastadora de que o homem que a criou não era seu verdadeiro pai. Depois de se recuperar do choque, ela imediatamente começou a procurar o boxeador tatuado que tinha se mudado para a Austrália antes de sua mãe poder dizer-lhe que estava grávida.

Desde a tenra idade Emily tinha uma estranha sensação de que ela não pertencia inteiramente para a família com que ela cresceu, com uma irmã mais velha e dois irmãos mais velhos.

Mas ela continuou a ver o homem que ela pensava ser seu pai, mesmo depois que seus pais se divorciaram quando ela tinha sete anos.

"Meu pai sempre esteve mais perto de minha irmã, mas não tinha ideia de que eu não era sua filha", diz Emily. "Ele não sabia que minha mãe tinha tido um caso com Clive quando ele esteve na nossa casa.

"Quando eu era jovem, eu me lembro de pensar que não se parecia com a minha irmã. Quando eu a via jogar com meus irmãos, eu pensava, 'Por que eu não gosto deles? "

No entanto, quando ela tinha 19 anos, sua mãe começou a contar-lhe sobre um antigo namorado chamado Clive.

"Ela me disse que ele era um homem alto, bronzeado, que ela o tinha apelidado de O Garanhão Italiano." Então, de repente ela falou: "Ele é seu pai verdadeiro."

"Meu queixo caiu, mas de repente tudo fez sentido. Houve muitas lágrimas e eu implorei a ela para me ajudar a encontrá-lo." Ann, que vive em Hastings, East Sussex, disse a Emily, que na verdade ela havia encontrado Clive um ano antes, em 2005, em sua cidade natal de Herne Bay, em Kent.

Ela também disse que ele tinha uma filha mas pediu-lhe que ele não entrasse em contato com Emily.

"Ele tinha deixado o seu número de telefone com a minha mãe, mas ela perdeu", diz Emily. Durante dois anos, Emily embarcou em uma jornada para reunir sua mãe com o seu "verdadeiro amor."

Mas foi só no início deste ano que um velho amigo, disse à Ann que Clive agora estava de volta em Margate ... e soltou a bomba que ele estava vivendo como uma mulher.

"Minha mãe entrou em contato com ele e ele pediu para dizer-me que estava com medo de que eu estaria envergonhada. Levou três meses para minha mãe convencê-lo de que eu ficaria bem com ele".

"Fiquei muito nervosa quando fui ao seu encontro em um bar perto do seu apartamento. Quando ficamos cara a cara, o encontro foi muito emocionante".

"Nós nos abraçamos e não conseguiamos parar de chorar. Então reparei que tinhamos o mesmo queixo. Chloe dizia que estava arrependida, mas eu não estava com raiva," diz ela.

Clive disse que ele era casado quando começou o caso com Ann, mas ele tinha lutado com a sua sexualidade todos esses anos.

Com cinco anos de idade ele secretamente se vestia com roupas de sua mãe. Desde então, ele passou por três casamentos, satisfazendo seus desejos secretos depois de escurecer, vestido de mulher.

Em 2003 ele tornou-se tão revoltado com sua genitália masculina que ele tentou realizar uma mudança de sexo tentando empurrar seu pênis para dentro de si.

Perdeu a libido e tornou-se completamente celibatário e começou a se vestir como uma mulher da noite.

Passou a se chamar Chloe e sentiu-se finalmente livre. Ela agora está à espera de uma operação de mudança de sexo completa.

Emily não poderia estar mais feliz por ter encontrado seu pai biológico. "Eu não a vejo como pai ou outra mãe, ela é apenas Chloe e sou grata por tê-la em minha vida."Estou orgulhosa dela e estarei ao seu lado no leito do hospital quando ela fizer a operação de mudança de sexo.

Ann, 47, diz: "Estou triste que Clive não está mais próximo, mas eu sou a melhor amiga de Chloe agora. Eu sempre acreditei que ele era o meu verdadeiro amor. Quando nos encontramos de novo fiquei chocada ao vê-lo vestido como uma mulher e obviamente, nunca vai acontecer de ficarmos juntos novamente".

Chloe emocionada acrescenta: "Emily diz que me ama". Eu não posso acreditar como sou sortudo. Cinco anos atrás, eu estava tão infeliz, eu queria morrer, mas agora tudo está dando certo".

"Eu estou na lista para uma mudança de sexo e eu encontrei Emily. É como ser uma nova mãe na idade de 52 anos."

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget